Uma grande amiga teve neném hoje e me fez lembrar o quanto eu fiquei aperriada com as visitas da maternidade.

Sempre disse que seria uma mãe tranquila e “sem frescura”, mas a verdade é que quando estamos grávidas tudo fica mais intenso ( malditos hormônios! Rsrsrs) e pra ser sincera fiquei bem tensa com relação as pessoas que iriam para o hospital. Meu maior medo foi sem dúvidas que o bebê pegasse algum vírus ou bactéria com tantas pessoas em um mesmo ambiente fechado com ar condicionado, ou pegando nele sem a devida higiene.

Marcelo-85

Para você que está grávida vale a pena evitar os riscos, então compartilhe o post! Para os amigos e familiares, saiba que essa leitura vai deixar os papais muito mais tranquilos!!

Vamos as dicas:

  • PROCURE SABER SE ESTÃO RECEBENDO VISITAS E ATENTE PARA O HORÁRIO.

Por mais que se tenha combinado é de bom tom ligar antes da visita. Esses primeiros dias ainda não se estabeleceu uma rotina e por isso tudo pode acontecer. Ligue e pergunte se pode chegar na próxima hora ou minutos.

 

  • SE O QUARTO DA MATERNIDADE ESTIVER MUITO CHEIO, ESPERE ESVAZIAR.

O ideal é que as visitas não se acumulem de uma única vez, pois hoje em dia o bebê fica no quarto com a mãe, o berçário é apenas para o banho e trocas de fraldas.

 Marcelo-152

  • SEJA RÁPIDO E ÚTIL.

 Quando chegar faça uma visita de médico, rápida, principalmente se não for da família e não tiver tanta intimidade com a mamãe. Os pais estão cansados e ainda não se acostumaram com as madrugadas em claro.

Além disso ofereça sua ajuda, lavando uns pratos, olhando o bebê enquanto a mãe vai tomar banho, ou algo assim.

 

  • HIGIENE

Lave bem as mãos e depois passe álcool em gel. Se vier do trabalho ou de qualquer lugar antes, procure não pegar no bebê. Nada de beijinhos, principalmente no rosto e mãozinhas.

 

  • NÃO PEGUE NO BRAÇO SEM QUE OS PAIS OFEREÇAM

O bebê ainda é muito frágil e é normal o cuidado excessivo dos pais. Não chegue já pegando o bebê no colo e nem peça para pega-lo. Evite uma situação constrangedora com os pais. Esperar q eles ofereçam é a melhor saída.

 

  • NUNCA, JAMAIS, PEGUE OU BEIJE A MÃO DE UM RECÉM-NASCIDO

A mão do bebê é sagrada. Ela é constantemente levada a boca e portanto podem levar inúmeros vírus ou bactérias que vc porventura tenha. Essa é a principal dica na minha opinião!!

 Marcelo-95

  • NÃO LEVE CRIANÇAS.

Por dois motivos. O primeiro deles é que crianças costumam ser inquietas e a visita pede que se fale mais baixo e um sossego. O outro motivo é que a depender da idade, a criança já frequenta escolinha ou creche, o que a torna um agente transmissor de gripe e outras doenças, como catapora, etc.

 

  • SE ESTIVER DOENTE, REMARQUE.

Por maior que seja sua vontade de conhecer o bebê seja sensato. Não vá caso esteja com sintomas de gripe, dor de garganta ou febre, por motivos óbvios.

 

  • SÓ TIRE FOTOS ( E POSTE) SE OS PAIS DEIXAREM.

Nem todos os pais acham tranquilo a publicação de fotos dos seus filhos, por isso não custa nada perguntar antes de retirar o celular do bolso. O direito de imagem do bebê pertence aos pais, e só com a autorização destes as fotos deverão ser postadas.

 

  • O BEBÊ QUER MAMAR? PEÇA LICENÇA, E DEIXE A MÃE A SÓS COM O NENÉM.

A amamentação é um momento da mãe e seu bebê. Os homens que não sejam o pai do bebê ou o pai da mamãe devem pedir licença e se retirarem do local. Salvo isso não seja problema para a mãe. Contudo a maioria das mulheres não se sentem à vontade para tanto, então não custa nada ter um cuidado extra.

 

Gente, esses foram os principais fatores que percebi quando tive João Marcelo. Você ainda acrescentaria alguma outra dica? Qual? Compartilha com a gente.

 

Se tiver alguma dúvida ou sugestão de post é só mandar email pra gente

-> contato@atequeenfimbaby.com.br

beijos,

Nina